Com foco na RMF, Áreas Integradas de Segurança (AIS) são ampliadas para 25

Por Ricardo Moura

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) alterou o desenho territorial das Áreas Integradas de Segurança (AIS) pela segunda vez desde a sua criação. As mudanças se concentraram na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). As cidades que pertenciam às AIS 11, 12 e 13 foram desmembradas e realocadas em outras áreas a partir da criação de três novas áreas (AIS 23, 24 e 25). Os municípios de Caucaia e Maracanaú passam a ser abrangidos, cada um, por uma única Área Integrada de Segurança, a AIS 11 e a AIS 12, respectivamente.

Conforme a SSPDS, a AIS 13 contemplará as cidades de Aquiraz, Cascavel, Eusébio e Pindoretama. Os municípios de Paracuru, Paraipaba, São Luís do Curu, Trairi e São Gonçalo do Amarante fazem parte agora da AIS 23. A AIS 24 abrangerá os municípios Guaiúba, Maranguape e Pacatuba, enquanto a AIS 25 contempla as cidades de Chorozinho, Itaitinga, Horizonte e Pacajus.

Além da busca por maior agilidade e eficiência na ação policial, a medida visa adequar a territorialização feita pela Secretaria aos novos sistemas de monitoramento da Coordenadoria Integrada Operações de Segurança (Ciops) compostos por inteligência artifical, big data, reconhecimento facial e biométrico.

Mapa atualizado das AIS no Ceará. Fonte: SSPDS/CE

Metropolização dos homicídios

As mudanças da AIS com foco na Região Metropolitana de Fortaleza não deixam de ser uma resposta às transformações ocorridas nas próprias dinâmicas da violência letal no Estado. Em janeiro de 2020, escrevi um artigo sobre um processo que denomino de “metropolização dos homicídios”. Segue abaixo um trecho. O texto completo pode ser acessado aqui:

“Quando comparamos a participação de Fortaleza no total de homicídios do Estado é possível perceber uma redução gradual de 41%, em 2015, para 29,7%, em 2019. Em números absolutos, os homicídios em Fortaleza caíram de 1.651 para 608 no mesmo período. Vale ressaltar que os dados referentes a 2019 só vão até novembro, último mês com informações divulgadas pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).
Em compensação, a presença da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) nos assassinatos saltou de 19,1% para 31,2%, de 2015 a 2019. Trata-se de uma inversão na comparação com os índices da Capital, fortalecendo a tese de migração da violência letal. No mesmo período, os homicídios na RMF caíram de 771 para 640, com picos em torno de 1,2 mil ocorrências.

Como se pode notar nas estatísticas apresentadas, mais pessoas foram mortas nos municípios da Região Metropolitana que em Fortaleza entre janeiro e novembro de 2019: 640 a 608. Haveria, portanto, uma correlação entre redução dos assassinatos e o que poderíamos denominar, provisoriamente, de ‘metropolização’ dos homicídios. O ano novo começou dando sinais de que essa tendência deverá se manter: nos três primeiros dias de 2020, pelo menos quatro pessoas foram assassinadas em Caucaia.
Se as posições entre Capital e Região Metropolitana se inverteram nos últimos cinco anos, a violência letal manteve-se proporcionalmente no Interior. Em números absolutos, os assassinatos caíram de 1.596, em 2015, para 798, em 2019. Nesse período, a variação percentual da participação dos municípios interioranos se mantém em torno dos 39% apesar de uma oscilação para cima registrada em 2016 (46,9%)”.

Sobre as AIS
Criadas em dezembro de 2013, na gestão do então secretário da Segurança Pública Servilho Paiva, as AIS dividem o Ceará geograficamente, tendo como foco as ações segurança pública, e são supervisionadas por um responsável dos Bombeiros, das Polícias Civil e Militar. A metodologia de confecção dos dados estatísticos também foi modificada naquela ocasião. Inicialmente, havia 18 AIS, sendo seis delas localizadas em Fortaleza, três na Região Metropolitana, quatro no Interior Norte e cinco no Interior Sul. Em 2017, o número de AIS na Capital foi ampliado de seis para dez. As demais divisões permaneceram.

(Com informações da assessoria da SSPDS).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: