Mortes de brancos caem enquanto a de negros aumentam, é por isso que Fortaleza nunca mais se apavorou

A pauta do “Fortaleza Apavorada” restringia-se a uma faixa territorial e de renda muito específicas. Com ajustes no policiamento, a quantidade de furtos, assaltos e arrastões caiu, diminuindo a sensação de insegurança vivida por moradores das áreas mais ricas e urbanizadas. A periferia, por sua vez,só pôde sentir-se relativamente segura no período da “paz” entre as facções.