Armas de fogo sim, máscaras não: o extermínio como política

Por Ricardo Moura

No mesmo dia em que mais uma vez deu mostras de indignação sobre o uso de máscara para prevenção da Covid-19, o presidente Jair Bolsonaro ostentou em sua live semanal a réplica de um fuzil produzida por um artesão cearense, motorista aposentado da Polícia Federal, com peças de veículos usados. Para quem se pergunta sobre qual o posicionamento do poder público em relação a tantas mortes ocorridas em operações policiais, o contentamento de Bolsonaro com a possibilidade de uso de uma arma de fogo real em uma comunidade não deixa dúvidas que tais ações são chanceladas e amparadas por instâncias superiores.

O fuzil artesanal foi trazido pelo chefe da Força Nacional, coronel PM Antônio Aginaldo de Oliveira, marido da deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP). “Essa máquina à noite numa comunidade… Sai correndo ou não?”, comentou Bolsonaro apontando para a réplica. E prosseguiu: “Na Avenida Brasil, por exemplo, já muito passei por lá… Tinha um caboclo desse na tua frente naquela pista lateral com o trânsito devagar, tu vai fazer o quê, coronel?”. A resposta do militar foi uma expressão constrangida e uma mudança brusca do assunto ao dizer o nome do autor da peça.

Na última terça, dia 8, Kathlen Romeu, de 24 anos, foi morta durante uma ação policial no bairro de Lins de Vasconcelos, na zona norte do Rio de Janeiro. A jovem estava grávida. Também na Zona Norte fluminense, no Jacarezinho, uma operação realizada pela Polícia Civil resultou em 28 mortos, na ação mais violenta da Polícia do Rio de Janeiro. Com seu discurso, o presidente nacionaliza a sanção governamental sobre o uso de fuzis de modo indiscriminado nas comunidades. O recado dado é claro e cristalino, sem qualquer eufemismo: os mais pobres podem ser executados pelo Estado de forma impune. No atual governo, o grande problema continua sendo o uso de máscaras. Talvez pelo motivo de que elas salvem e não exterminem vidas humanas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: