Ouvidor-geral toma posse em meio a protestos e pedido de nulidade do certame

Em meio aos protestos dos movimentos sociais e sob o parecer desfavorável da Conselho Nacional de Ouvidorias de Defensorias Públicas, que defende a nulidade do certame, o advogado Francisco Alysson da Silva Frota tomou posse como novo ouvidor da Defensoria Pública Geral do Ceará. O mandato é de dois anos.